Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Ouroeste e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Ouroeste
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
05
05 OUT 2022
OUROESTE RECEBE T.F CIA DE DANÇA COM O ESPETÁCULO CORPOS DE FRONTEIRA PELO CIRCUITO SP
enviar para um amigo
receba notícias
No último dia 30 de setembro a T.F CIA de DANÇA se-apresentou no Centro de Eventos José Nubiato Filho com o espetáculo Corpos de Fronteira.   Este é o segundo espetáculo recebido por Ouroeste através do Circuito SP, programa em parceria com a secretaria de Cultura  e Economia Criativa do Estado de São Paulo e Prefeitura de Ouroeste , através da Secretaria de Educação e Cultura e  Diretoria  de Cultura.  O Circuito SP é um programa de difusão cultural  que em 2022 estará presente em 120 municípios do estado de São Paulo. Para participar, Ouroeste foi selecionado para esta parceria, através de chamada pública do  “Juntos Pela Cultura”, projeto inscrito através da Diretora de Cultura Rosângela Pinheiro e Secretaria de Educação e Cultura do município. Após o  espetáculo do Circuito SP na última sexta-feira , com o objetivo de apoiar o trabalhador da cultura local, foi apresentado através da prefeitura um  show ao vivo.
 
SOBRE A OBRA CORPOS DE FRONTEIRA
A obra busca refletir sobre a pluralidade de corpos que colocam em questão tais fronteiras: negros, mulheres, homossexuais, periféricos unem-se por acreditar que juntos as individualidades se potencializam, além de proporcionar microfissuras possíveis para entendimento do mundo hoje. Em tempos de distanciamento social, entendemos o atravessamento dessas fronteiras para além da fisicalidade que separa os territórios. Um anseio pelo encontro, pela possibilidade de reconhecer o próprio corpo como borda e pela experiência (s)cinestésica em ritual de partilha. Corpos de Fronteira visa fazer um retrato da condição humana: coletiva, conjunta, agrupada, buscando interações, associações. Em meio ao silêncio do distanciamento, redescobrimos e inventamos formas estar junto. Subimos pelas paredes e, às vezes, não apenas metaforicamente. Na cena, as hierarquias entre os papéis sociais são testadas e, no melhor dos cenários, podem ser questionados e reconfigurados.
 
 
#CircuitoSP#CulturaSP#JuntosPelaCultura
#AmigosDaArteSP
 
 
 
 
 
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia